BUGs: O Fórum foi migrado para um novo servidor. Contudo, ainda apresenta erros de códigos e de algumas funções, como negrito, itálico, quotes, textos sublinhados etc. Mas não se preocupem, será corrigido. ~Commodoro

Ajude na manutenção do Fórum: https://www.paypal.com/cgi-bin/webscr?c ... source=url

Novos usuários podem ter que aguardar a aprovação de um Administrador para fazer o login e começar a postar.

Dê graças a Deus por ter nascido Homem!

Seleção dos melhores textos da Real.
Avatar do Usuário
Commodoro
Patrãozinho
Patrãozinho
Mensagens: 963
Registado: 11 mar 2016, 01:47
Reputação: 37
Italy

Dê graças a Deus por ter nascido Homem!

Mensagempor Commodoro » 04 jul 2017, 20:16

Com o movimento da Real aprendemos que as mulheres são beneficiadas pelo Estado "mangina" e pela sociedade moderna (contaminada pelo relativismo e pelo marxismo cultural). No que tange a isto, a Real está totalmente correcta, eu diria, indubitavelmente correcta. As mulheres gozam de benefícios paternais (como p. ex. oportunidade de estudos: um homem do campo sempre colocará sua menininha na escola e futuramente na faculdade enquanto o homem é "convidado" a trabalhar; as mulheres têm direito quase inalienável à pensão alimentícia e a pensão compensatória; a inversão do ônus da prova em certas esferas do Judiciário; o tratamento preferencial em lugares públicos e outra série de benefícios inimagináveis quando comparadas com a condição masculina. Tudo isto por terem apenas uma vagina e uma cara infantil.)

Mas os homens tem uma condição que, não obstante toda a desigualdade dos sexos apresentada nas primeiras décadas de vida de ambos os sexos masculino e feminino, uma condição incrível de suportar as adversidades e mudar à realidade a sua volta, para o bem ou para o mal. Os homens são construtores de civilizações, da ciência e da tecnologia. Recursos que, parcialmente, contribuíram para o desnível atual entre os sexos.

Tire o corpo da mulher moderna e o que ela apresentará? Salvo exceções, geralmente não muito. As mulheres do séc. XX-XXI não são dedicadas ao estudo, não são dedicadas ao trabalho, não são dedicadas sequer - hoje em dia - a reprodução humana. São seres descartáveis quase sempre, verdadeiros depósitos de esperma. A mulher moderna é um ser inútil dependente exclusivamente do ego, chorando e clamando por atenção apenas. A Real ensina a morte do ego. Apesar de ser um movimento exclusivamente masculino, a Real faria um imenso bem para a mulher, porque lhe resgataria a sua dignidade que lhe é própria e cessaria com a guerra dos sexos. Os sexos não são iguais, e não será uma ideologia que mudará isso. Os sexos são complementares por designação de Deus, mas o homem desempenha um papel primordial - ele deve ser o protetor da família, assim como Cristo é o chefe da Igreja.

A depressão feminina é muito superior à masculina, porque seu valor é compreendido quase que exclusivamente pelo valor do corpo, que é programado para a reprodução. Aos 35 anos a mulher não valerá uma décima parte do que quando tinha os seus 18 anos. E não se engane com as atrizes globais, há muito dinheiro e recursos estéticos envolvidos. A "realidade" feminina é uma grande farsa, e como tal, foi estabelecida pelo feminismo para justamente destabilizar as relações entre homem e mulher. A indústria dos medicamentos lucra horrores com os antidepressivos vendidos às mulheres, porque elas simplesmente não conseguem entender o quão vivem numa grande constante de ladeira abaixo. A mulher só se sentirá realizada tomando como parâmetro três verdades da vida: o amor reservado aos filhos, a dedicação ao marido e à devoção a Deus. Acontece que estas três verdades foram relativizadas, e como tal, acabaram com a dignidade da mulher.

[img]https://3.bp.blogspot.com/-Oji5FL7ET44/UO86e-DX27I/AAAAAAAAQLI/hln2AdQJh54/s1600/Sao+Luis+rei,+estatua+ecuestre,+EUA.jpg[/img]

São Luís IX, santo da Igreja, é o exemplo de um verdadeiro homem: liderou diversas iniciativas Cruzadas, valorizou a família, teve muitos filhos, foi um homem devoto, combateu os muçulmanos, era um homem culto e lia a Bíblia, "devotíssimo", é certamente um dos maiores homens da história.

É verdade que o homem nasce com valor próximo a zero. É verdade que sua vida é uma eterna batalha. Mas isso é que é verdadeiramente gratificante. O homem racional planeja, evolui, estabelece metas, conquista seus objetivos. Só um homem tolo pensará que ele continuará valendo quase nada. O homem racional constrói seu próprio valor, para sua família e para a sociedade. O homem "moderno" muito reclama de que é invisível na sociedade. Mas eu pergunto, o que ele está fazendo neste momento para mudar este quadro?

A mulher nasce valendo o preço de um diamante, e acabará custando o valor de um carvão queimado. Enquanto a mulher de 25 anos está caminhando para o fim, o homem de 25 anos está caminhando para seu começo, e o seu apogeu poderá durar até o dobro do apogeu da mulher. Como ele é muito precoce ao próprio desenvolvimento intelectual da mulher, grande parte delas não entenderá o poder que têm em mãos e o colocará rapidamente tudo a perder. As mulheres de 18~21 anos acreditam que o seu valor sexual é inesgotável, que durará para sempre. Mas o que não é merecido é rapidamente perdido. A mulher não consegue manter o valor com que nasceu, o valor da buceta. E ele não é reparável - e é exatamente aqui que o homem têm uma enorme vantagem. Uma fortuna na mão de um meritocrata duplicará. Uma fortuna na mão de um nascido em berço de ouro será reduzida a metade; isto há muito ensinava a Bíblia. É assim que devemos entender a questão de valores entre homens e mulheres, ao qual temos quando nascemos.

Eu dou graças a Deus por ter nascido homem - Ele confiou a nós, tal como o fez no Paraíso ao exigir que Adão desse nomes aos animais - as ferramentas para construir ou mesmo corrigir a civilização. Eu convido-o a fazer parte, no que for possível, a esse fim encaminhado pelo Divino.
Combati o bom combate, completei a corrida, guardei a fé! (2 Timóteo 4:7)

Cristo vence, Cristo reina, Cristo impera. ✠

Homens não são reféns das mulheres, mas reféns da própria libido.

Homem cafajeste merece mulher rodada. Ambos se completam.

Casamento nos moldes modernos é uma roleta russa, mas com todas as balas carregadas.

(Reflexão) Lute contra uma vida vazia: viewtopic.php?f=18&t=1653
(Reflexão) Dê graças a Deus por ter nascido Homem!: viewtopic.php?f=18&t=1392
A Matrix da promiscuidade: viewtopic.php?f=2&t=1745
O corno, a família, o conservadorismo ou "A Vida como ela É": viewtopic.php?f=2&t=1560
O ateu conservador ou "O Que é Conservadorismo"?: viewtopic.php?f=14&t=1499
Lumpemproletariado, violência e desarmamento civil em prol da Revolução: viewtopic.php?f=14&t=1969

http://i.imgur.com/m3A2zY0.png

✠ † ☨ ✞ ☩ ✙ ☧ ✚ ✟ ♰
Avatar do Usuário
Expoure
Major
Major
Mensagens: 502
Registado: 20 mai 2017, 21:19
Reputação: 9
Brazil

Re: Dê graças a Deus por ter nascido Homem!

Mensagempor Expoure » 04 jul 2017, 20:49

ÓTIMO TEXTO.
Você conseguiu em poucas palavras descrever muita coisa: Deveres morais, íntegros, familiares e virís.
"O homem nasceu para lutar e sua vida é uma eterna batalha": Desde sempre contruímos e destruímos impérios. Criamos tecnologias, linguas, conceitos, fizemos a evolução de nós mesmos. Em breve iremos colonizar outros planetas. Fomos presenteados por Deus com a capacidade de quebrar nossas próprias barreiras!
Nós, homens honrados, devemos lutar durante toda a vida assim como designado para então descansarmos no reino de Deus.
Infelizmente a condição feminina é essa mesma. O feminismo e o marxismo cultural tentam por na mulher comportamentos masculinos, inclusive realizando falsas pesquisas de que ambos os sexos tem o mesmo desempenho em estudos, trabalho, lógica. Isso é a mesma coisa que dizer que um homem tem as mesmas capacidades mais puras femininas com um desempenho igual. chega a ser ridículo.
Força, honra e SEMPER VIRI¹!


[1] referencia ao ultimo livro do clube dos homens
“Aprendi na estrada que o mais difícil não é seguir em frente, e sim, não olhar para trás.”

"Se você parar de ver o mundo em termos do que você gosta ou desgosta e começar a ver as coisas pelo o que elas realmente são, vai encontrar um ideal de paz muito maior na sua vida"
Patrick Jane (The mentalist)
Avatar do Usuário
Ph da Real
Veterano
Veterano
Mensagens: 634
Registado: 18 set 2016, 11:43
Reputação: 1
Brazil

Re: Dê graças a Deus por ter nascido Homem!

Mensagempor Ph da Real » 04 jul 2017, 23:49

[font=Arial]Fato é que ser homem ou mulher é algo saudável e que deve ser respeitado e cada sexo com a sua função. É possível isto? Sim, claramente, porém o feminismo atual retirou muito poder das mãos masculinas e está trabalhando para subtrair dos homens todas as formas de poder possíveis, começando pela instalação do caos, geração de desemprego, valorização de bandidos e de regimes comunistas relativistas, que adestram o homem a destruir a família e os bons costumes.[/font]

Tornando as mulheres mais hipergâmicas, subtraindo do homem o poder e destruindo a família, gera os ingredientes perfeitos para a receita que é o caos social. Os regimes revolucionários sabem que atacar a mulher, mexer com a sua própria natureza seletiva, é a maneira mais fácil de desestabilizar o masculino, que estava desassegurado há anos atrás, deixando o comunismo ser implantado nesse país.
[size=150][font=Monotype Corsiva] ☆ Os homens precisam descobrir o real valor da masculinidade nos tempos atuais. ☆ [/font][/size]
Avatar do Usuário
albertosantos
Veterano
Veterano
Mensagens: 836
Registado: 12 mar 2016, 07:42
Reputação: 7
Brazil

Re: Dê graças a Deus por ter nascido Homem!

Mensagempor albertosantos » 05 jul 2017, 08:10

[quote="Commodoro"] As mulheres do séc. XX-XXI não são dedicadas ao estudo, não são dedicadas ao trabalho, não são dedicadas sequer - hoje em dia - a reprodução humana. São seres descartáveis quase sempre, verdadeiros depósitos de esperma. A mulher moderna é um ser inútil dependente exclusivamente do ego, chorando e clamando por atenção apenas.


Por mais radical que isso possa ser pra caso alguma mulher venha aqui ler, é a mais pura realidade. Pois ELAS MESMAS se colocaram nesta posição devido a ideologias feministas que vão contra a natureza da mulher.